Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

{latest}

MP se cala e Prefeito vai fazer farra de R$ 1,5 milhão com show de Safadão em plena pandemia

Mesmo diante do cenário que o Brasil e o mundo se encontra por causa da pandemia da Covid-19, o prefeito do município de Pedro do Rosário, T...


Mesmo diante do cenário que o Brasil e o mundo se encontra por causa da pandemia da Covid-19, o prefeito do município de Pedro do Rosário, Toca Serra (PCdoB) não mediu esforços e dinheiro para realizar o evento de aniversário da cidade.
Segundo informações, no próximo dia 11 de novembro, a cidade de Pedro do Rosário comemorará 27 anos, e a para isso, o prefeito Toca Serra contratou a empresa Garcia Produções e Eventos Eireli, para realizar o aniversário da cidade entre outros.
De acordo com a licitação, a empresa terá que fornece a prestação de serviços para locação de estruturas diversas, materiais, equipamentos e mão de obra especializada, de bandas e danças folclóricas para apresentação de shows artísticos para atender o evento de aniversário da cidade.
No primeiro item do contrato, está previsto o pagamento de um artista de nível nacional pelo valor de até R$ 242.200,00. Já no segundo item, a prefeitura terá que pagar outro cachê no valor de R$ 203.840,00. 
Nos itens seguintes, a prefeitura irá pagar R$ 66.6600,00 por quatro bandas de médio porte e mais quatro de pequeno porte, que custará aos cofres municipais R$ 27.000,00.
Está previsto ainda o pagamento de uma atração gospel que custará R$ 58.200,00 e uma banda da Região Nordeste, que custará R$ 60.374,00. No contrato assinado, ainda está previsto o pagamento de mais 26 bandas, que somam o valor de R$ 200.574,00 e mais R$ 52.402,00para danças regionais.
Segundo o contrato, está previsto o pagamento de até R$ R$ 364.854,00 para locação de estruturas, entre palco, som e luz, além de arquibancadas.
A apresentação do cantor Wesley Safadão está marcada para o dia 12 de novembro.
Com isso, o contrato fechado no início do ano custará aos cofres públicos R$ 1.546.044,00. Como na especificação do edital da licitação apontava o carnaval, festas juninas e o aniversário da cidade como os eventos previsto a serem realizados pela empresa, só restou o aniversário que poderá ser realizado, uma vez que nem o carnaval, nem as festas juninas aconteceram.
Se for levado em conta que o município possui apenas 25 mil habitantes, esse dinheiro poderia mudar coisa na vida da população da cidade.

Nenhum comentário